testo 435-2 - Medidor de qualidade do ar interior

Ordem nº  0563 4352

  • Ampla gama de funções de medição usando acessórios disponíveis opcionalmente, por exemplo, anemômetros, sensores de umidade, lux e de sensores de grau de turbulência

  • Super memória para mais de 10.000 leituras

  • Software de PC para análise e registro dos dados de medição

  • Classe de proteção IP 54

O medidor de qualidade do ar interior testo 435-2 permite que você realize todas as medições que são necessárias para verificar e ajustar os sistemas de ventilação e ar condicionado e avaliar a qualidade do ar interior. Selecione ampla gama de sondas e sensores. Porque, é que você quem sabe melhor o que seu instrumento é capaz de fazer!

Este instrumento de medição precisa de sonda.

Clique aqui para ver a lista.

R$ 4.849,00
incl. impostos

Descrição

O medidor de qualidade do ar interior testo 435-2 é projetado para permitir que você realize todas as medições que são necessárias para verificar e ajustar os sistemas de ventilação e ar condicionado e avaliar a qualidade do ar interior.

Mas quem sabe melhor do que você o que seu medidor é capaz de fazer? Abaixo você vai encontrar uma grande variedade de sondas disponíveis opcionalmente e sensores que lhe dão a liberdade para configurar seu medidor do jeito que você quer. Encomende as suas sondas e sensores, juntamente com o seu instrumento.

Sensores conectáveis (opcional) para testes de Qualidade do Ar Interior

•    QAI sensor para avaliar a qualidade do ar interior usando CO2, temperatura do ar, umidade relativa e medições de pressão absoluta
•    Sensor de grau de conforto para medições de turbulência em conformidade com a norma EN 13779 para a avaliação objetiva da velocidade do ar em salas
•    Termômetro de Globo para medir a irradiação de calor
•    Sensor de temperatura / umidade para avaliar o conforto térmico em salas
•    Sensor de CO ambiental para medição de CO em alas e edifícios
•    Sensor de temperatura para medição por imersão, penetração, ar e superfície
•    Sensores de temperatura para determinar o valor de HTC

Sensores conectáveis (opcional) para verificar e ajustar os sistemas de ventilação e ar condicionado

Termoanemômetro, também com temperatura integrada e função de medição de umidade relativa de velocidade do ar e volume de fluxo, medições da taxa em dutos de ventilação

• Anemômetro Rotor com pequeno diâmetro (Ø 16 mm) para medições de fluxo de ar e taxa de volume de fluxo em dutos de ventilação
• Anemômetro rotor com amplo diâmetro (Ø 100 mm) para fluxo de ar e taxa de volume de fluxo, medições em saídas de ar em conexão com o testovent 417 com funis para a realização de medições em válvulas de disco e grelhas de ventilação ou para a realização de medições em difusores de teto usando um retificador de taxa de volume de fluxo
• Sensor de temperatura para medições de imersão, penetração, ar e da superfície
• Sensor de umidade/temperatura para realização de medições em dutos de ventilação
• sensor de pressão absoluta

Além dos outros sensores conectáveis, você também pode conectar até três sensores sem fio com o medidor testo 435-2 IAQ: o módulo sem fio opcional permite realizar medições de temperatura e umidade sem fio através de sensores sem fios em distâncias de até 20 metros em campo aberto. Isso ajuda a garantir que o cabo não está danificado e que nada fica em seu caminho durante a medição.

Há também uma bolsa de transporte separada disponível que oferece espaço de sobra tanto para instrumento e sua seleção de sondas e sensores.

Tecnologia complexa que dificilmente poderia ser mais simples 

A beleza por trás do medidor de qualidade do ar interior testo 435-2 é que todo o processo de medição pode ser realizado rapidamente e com eficiência sem a necessidade de complexa programação.

Menus de sensores dependentes e perfis de usuário selecionáveis para aplicações típicas como "medições de dutos" e "medição de QAI" garantem que o instrumento está sempre pronto para uso. O testo 435-2 tem ampla memória para salvar até 10.000 medições, que podem ser transferidas para o seu laptop ou PC através do cabo USB incluso. O software incluso permite que você faça o log, arquivo e estruturare claramente todos os dados de medição relevantes e programas de medição, para medições por exemplo em duto. Os protocolos de medição especialmente adaptados podem ser utilizados para apresentar aos seus clientes os dados de canal, a longo prazo e grau de medições de turbulência. A impressora rápida testo disponível opcionalmente, pode ser usada para fornecer aos seus clientes impressão de relatórios no local.

O testo 453-2 tem um display retroiluminado grande, fácil de ler que mostra a diferença do ponto de orvalho, juntamente com outros valores, incluindo os valores min, max e médios. A capa protetora durável protege o testo 435-2 de forma confiável contra impactos.

 

Escopo da entrega

O medidor de qualidade do ar interior testo 435-2, memória de valores de medição, software para PC, cabo USB, protocolo de calibração e pilhas.
ATENÇÃO: um sensor (não incluso no fornecimento) é necessário para operar o medidor.
NTC

Faixa de medição

-50 a +150 °C

Exatidão

±0,2 °C (-25 a +74,9 °C)

±0,4 °C (-50 a -25,1 °C)

±0,4 °C (+75 a +99,9 °C)

±0,5 % do vm (Faixa remanescente)

Resolução

0,1 °C

Tipo K (NiCr-Ni)

Faixa de medição

-200 a +1370 °C

Exatidão

±0,3 °C (-60 a +60 °C)

±(0,2 °C + 0,5 % do vm) (Faixa remanescente)

Resolução

0,1 °C

Tipo T (Cu-CuNi)

Faixa de medição

-200 a +400 °C

Exatidão

±0,3 °C (-60 a +60 °C)

±(0,2 °C + 0,5 % do vm) (Faixa remanescente)

Resolução

0,1 °C

Sensor capacitivo de umidade

Faixa de medição

0 a +100 %rF

Exatidão

Ver dados da sonda

Pressão absoluta

Faixa de medição

0 a +2000 hPa

Exatidão

See probe data

Resolução

0,1 hPa

Anemômetro molinete

Faixa de medição

0 a +60 m/s

Exatidão

Ver dados da sonda

Resolução

0,01 m/s (molinete de 60 pás)

0,1 m/s (molinete de 16 pás)

Fio aquecido

Faixa de medição

0 a +20 m/s

Exatidão

Ver dados da sonda

Resolution

0,01 m/s

Medição luz

Faixa de medição

0 a +100000 lux

Faixa de medição 3

See probe data

Exatidão 5

1 lux

0,1 Hz

Dados técnicos gerais

Dimensões

220 x 74 x 46 mm

Temperatura de operação

-20 a +50 °C

Carcaça

ABS / TPE / Metal

Classe de proteção

IP54

Tipo de bateria

Manganês alcalino, mignon, tipo AA

Durabilidade

200 h (medição normal com molinete)

Display luminoso

Illuminated display

Temperatura de armazenagem

-30 a +70 °C

Peso

428 g

Sondas

R$ 3.309,00
incl. impostos

Sondas de CO ambiente

Sonda de CO ambiente

Ordem nº: 0632 1235

R$ 2.949,00
incl. impostos

Sondas para ar

R$ 599,00
incl. impostos

Sondas para umidade

Sonda de humidade/temperatura

Ordem nº: 0636 9735

R$ 2.679,00
incl. impostos

Outros acessórios instrumento de medição / sondas

Preço sob consulta
Material adesivo para fixar e selar

Ordem nº: 0554 0761

Preço sob consulta
Agitador de fluxo testovent 417

Ordem nº: 0554 4172

Preço sob consulta

Medição do fluxo no ducto de ventilação usando um anemômetro térmico e um anemômetro de ventoinha

A Testo oferece sondas de anemômetro compacto e tubos de Pitot para medir o fluxo e o fluxo volumétrico no ducto de ventilação.

A escolha de uma sonda adequada ou de um instrumento de medição depende da velocidade do fluxo no ducto de ventilação. Isso pode ser dividido em três sub-variações:

- Velocidades de fluxo baixo: 0 a 5 m/s => anemômetros térmicos e sondas térmicas são adequadas para isso (pedido nº 0635 1535, 0635 1025)

- Velocidades de fluxo médio: 5 a 40 m/s => os melhores resultados são alcançados pelo anemômetro de ventoinha de 16 mm und Flügelrad-Sonden (pedido nº 0635 9535)

- Velocidades de fluxo alto: 40 70 100 m/s => o tubo de Pitot fornece os melhores pré-requisitos (veja a aplicação a seguir)

Os sensores de fluxo para a medição de ducto estão todos equipados com telescópios para que sejam fáceis de usar em grandes ductos de ar. A temperatura do ar e a umidade também podem ser medidas com a mesma sonda da velocidade do fluxo, se for requerido. De acordo com a aplicação requerida, escolha entre uma sonda térmica, sonda de ventoinha ou tubo de Pitot para medir a medição do fluxo no ducto.

Medição na saída de ar

Cada ducto de entrada e saída deve conter apenas o fluxo volumétrico que, de acordo com os cálculos, é um pré-requisito básico para um sistema funcional eficiente.

Os anemômetros de ventoinha grandes, com 100 mm de diâmetro, são ideais para medir os fluxos volumétricos nas saídas do ducto (pedido nº 0635 9435), de forma que integram a velocidade de fluxo sobre uma área maior determinando, assim, um distúrbio da grelha de ventilação (método de loop).

Para medir a sucção ou a passagem de ar das grelhas de ventilação e das válvulas de gatilho, nosso funil de taxa de fluxo volumétrico é ideal (pedido nº 0563 4170) assim como o anemômetro de ventoinha grande de 100 mm (pedido nº 0635 9435) Todo o fluxo volumétrico é registrado com a ajuda do funil, sem a necessidade de conversão baseada na velocidade de fluxo e na área. Esse método de medição de fluxo é simples e confiável.

Medição da temperatura do ar e de superfície

Para que os seres humanos se sintam confortáveis e apresentem o máximo de desempenho, é essencial que o ar condicionado esteja adequado ao aposento que eles ocupam. Assim como as condições estruturais e a percepção pessoal, os seguintes fatores também contribuem significativamente para a existência de um clima interior agradável: o ar interior e a temperatura das paredes, janelas, pisos e tetos.

Há diversas sondas de temperatura TE disponíveis para o testo 435. A sonda de superfície (pedido nº 0602 0393) e a sonda de umidade do ar (pedido nº 0636 1712) são ideais para investigar as deficiências do ponto de condensação e o mofo

Medição do calor irradiado

O instrumento de medição multifuncional testo 435 é uma ajuda confiável para medir o conforto térmico. O termômetro de Globo opcional e anexável (pedido nº 0602 0743) possibilita a medição do calor irradiado (ou seja, a temperatura operante ou percebida). A temperatura operante medida com o termômetro de Globo com um diâmetro de 150 mm corresponde, preferencialmente, à temperadura percebida das pessoas a ± 0.41 K.

As medições da temperatura em uma sala (temperatura do ar e temperatura operante) devem ser feitas no mesmo lugar e com as mesmas condições gerais da medição das velocidades do ar interno.

Medição da iluminação

Uma iluminação adequada no local de trabalho fornece luz suficiente aos trabalhadores para que eles tenham um bom desempenho. Isso ajuda a prevenir erros, cansaço prematuro e mantém a concentração.

testo 435-2 e a sonda Lux (pedido nº 0635 0545) pode ser usada para medir e avaliar a intensidade luminosa (luz natural ou artificial).

Medição da turbulência

A velocidade do ar nos aposentos afeta diretamente o conforto térmico. Pode haver referência aos níveis de turbulência e da corrente de ar na avaliação do conforto.

O nível de turbulência indica a flutuação da velocidade do ar e a intensidade do fluxo de ar em uma sala.

A taxa da corrente de ar geralmente pode ser entendida como a refrigeração indesejada do corpo devido ao movimento do ar. É definida como a porcentagem de pessoas que se sentem desconfortáveis.

A sonda de conforto não direcional (pedido nº 0628 0109) foi especialmente projetada para medir o nível de turbulência de acordo com a EN 13779, e para avaliar a taxa de corrente de ar. Juntamente com o nosso instrumento de medição multifuncional testo 435, os resultados das medições que estão de acordo com as normas podem ser analisados diretamente no dispositivo.

Medição do valor-U

Ao reformular ou renovar construções antigas, é essencial poder determinar rapidamente se o calor está sendo perdido através das janelas e paredes. Apenas depois disso os custos de energia podem ser reduzidos e as medidas de reformulação podem ser feitas de forma eficiente.

Ao avaliar a transmissão térmica, por exemplo, em construções antigas que precisam de renovação, o valor-U é um dos mais importantes. Ele possibilita avaliação térmica, por exemplo: vazamentos ou os menores fluxos de ar em janelas.

3 valores de temperatura são requeridos para calcular o valor-U:

- Temperatura externa

- Temperatura de superfície da parede interna

- Temperatura do ar interno

Uma sonda de rádio é necessária para determinar o valor-U (pedido nº 0614 1635); é colocada em posição no lado exterior. Ela transmite as leituras para o instrumento de medição interior. Para medir a temperatura de superfície, os três fios da sonda de valor-U são anexados à parede com plasticina. A temperatura do ar é registrada por um sensor localizado no encaixe da sonda. O instrumento de medição testo 435-2 calcula automaticamente o valor-U a partir dos três valores e o mostra na tela. A vantagem: Não há necessidade de cálculos manuais; o resultado é rápido e preciso.

Resumindo, o testo 435-2 permite que você calcule o valor-U de forma rápida e precisa, assim como os parâmetros para ar condicionado, ventilação e qualidade de ar interno.

Medição da qualidade de ar interno (CO2)

A má qualidade de ar interno, devido a altas concentrações de CO2, pode causar fadiga, falta de concentração e até doenças. Portanto, para garantir qualidade suficiente de ar interno, a concentração de CO2 geralmente não deve exceder 1 000 ppm. Valores de 700 a 1500 ppm podem ser vistos como a "variação de referência".

A sonda IAQ (pedido nº 0632 1535) é particularmente adequada para monitorar os controles da qualidade de ar interno. Essa sonda pode ser usada para registrar CO2, temperatura e umidade relativa simultaneamente.

Medição de CO

O monóxido de carbono (CO) é um gás incolor, invisível e insípido, mas também é venenoso. É produzido durante a combustão incompleta de substâncias que contêm carbono, como carvão, madeira, óleo, gás natural, etc., em fontes de calor e motores de combustão. A concentração de CO aumentará rapidamente, particularmente se não houver oxigênio suficiente disponível. Isso pode causar efeitos adversos na saúde.

A sonda de CO ambiente (pedido nº 0632 1235) e o testo 435-1 são capazes de detectar até mesmo as menores quantidades de CO no ar ambiente.