testo 480 - testo 480 instrumento de medição de alta qualidade para VAC, incl. Medição de PMV/PPD

Ordem nº  0563 4800

  • Sondas digitais de elevada qualidade e calibração inteligente

  • Compatível com as normas AVAC e medições do nível de conforto

  • Moderno trackpad e visor gráfico

  • Rápida criação de relatórios profissionais utilzando o software para PC

testo 480 instrumento de medição de alta qualidade para VAC, incl. software para PC "EasyClimate", alimentador, cabo USB e protocolo de calibração

R$ 7.819,00
incl. impostos

Descrição

Tecnologia de ponta para a profissonal engenharia de ar condicionado

O testo 480 oferece apoio a consultores, perítos, prestadores de serviço técnico e serviço técnico no mercado da ventilação e ar condicionado, para todas as tarefas de medição. Com o instrumento de medição e as suas sondas digitais, poderá registar parâmetros tais como velocidade, temperatura, humidade, pressão, luminosidade, temparatura radiante, grau de turbulência e CO2

Se o ambiente de trabalho é demasiado quente ou se existe uma corrente de ar, então o sistema de ar condicionado/ventilação provavelmente não está correctamente ajustado. Com o novo instrumento de medição testo 480, poderá ajustar o sistema de ventilação e ar condicionado em conformidade com as normas ráipda e facilmente. Registar todos os relevantes parâmetros em zonas residenciais e de trabalho num instante.

A sonda inteligente permite que esteja equipado para qualquer aplicação e completamente seguro da fiabilidade dos resultados medidos. Os desvios são automaticamente eliminados após a calibração. Obterá uma visualizaçao sem erros. As sondas notificam o testo 480 assim que a próxima calibração é necessária.
 

 

Escopo da entrega

Medidor de temperatura, umidade e fluxo de ar testo 480, sensor de pressão diferencial integrado, software "Easy Climate", adaptador de alimentação, cabo USB, certificado de calibração.

Nota: os sensores e acessórios descritos na apresentação do produto acima são todos opcionais e devem ser encomendados separadamente.
Pt100

Faixa de medição

-100 a +400 °C

Resolução

0,01 °C

Tipo K (NiCr-Ni)

Faixa de medição

-200 a +1370 °C

Exatidão

±(0,3 °C + 0,1 % do vm)

Resolução

0,1 °C

Sensor capacitivo de umidade

Faixa de medição

0 a 100 %rF

Resolução

0,1 %rF

Anemômetro molinete

Faixa de medição

0,6 a +50 m/s (Sonda molinete Ø 16 mm)

0,1 a +15 m/s (Sonda molinete Ø 100 mm)

Resolução

0,1 m/s (Sonda molinete Ø 16 mm)

0,01 m/s (Sonda molinete Ø 100 mm)

Fio aquecido

Faixa de medição

0 a +20 m/s

Resolution

0,01 m/s

Medição de CO₂

Faixa de medição

0 a 10000 ppm CO₂

Resolution

1 ppm CO₂

Conforto

Faixa de medição

0 a +5 m/s

Resolução

0,01 m/s

Sensor de pressão piezoresistivo

Faixa de medição

-100 a +100 hPa

Exatidão

±(0,3 Pa + 1 % do vm) (0 a +25 hPa)

±(0,1 hPa + 1,5 % do vm) (+25,001 a +100 hPa)

Resolução

0,001 hPa

Medição luz

Faixa de medição

0 a 100000 lux

Exatidão 5

1 lux

Pressão absoluta (sensor interno e sonda externa)

Faixa de medição

700 a 1100 hPa

Exatidão

±3 hPa

Resolução

0,1 hPa

Dados técnicos gerais

Temperatura de operação

0 a +40 °C

Classe de proteção

IP30

Sondas conectáveis

0

EU-/EG-orientações

2004/108/EG

Durabilidade

17 horas (manuseio do instrumento sem sonda com 50% de brilho no display)

Função de exibição

Display gráfico colorido

Fonte de energia

via conexão de unidade principal para medições a longo prazo e carregador de bateria

Transferência de dados

Cabo USB ou cartão SD

Memória

60.000.000 valores medidos

Temperatura de armazenagem

-20 a +60 °C

Peso

435 g

Sonda digital para umidade

Sondas de imersão/penetração

R$ 229,00
incl. impostos
R$ 289,00
incl. impostos
R$ 2.729,00
incl. impostos

Sondas de superfície

Acessórios adicionais para instrumentos/sondas

R$ 369,00
incl. impostos
R$ 1.919,00
incl. impostos
R$ 379,00
incl. impostos
Agitador de fluxo testovent 417

Ordem nº: 0554 4172

Preço sob consulta

Certificados adicionais

Preço sob consulta
Preço sob consulta

Certificados para temperatura

Preço sob consulta
Preço sob consulta
Preço sob consulta
Preço sob consulta
Preço sob consulta

Certificados para umidade

Preço sob consulta
Preço sob consulta
Preço sob consulta
Preço sob consulta
Preço sob consulta

Maleta para o sistema

Mala do sistema para medições AVAC

Ordem nº: 0516 4800

R$ 2.709,00
incl. impostos
R$ 2.729,00
incl. impostos

Calibração dos gabinetes de ar condicionado de acordo com a diretiva 5-7 do DAkkS/DKD

Monitore seu gabinete de ar condicionado para obter uma temperatura precisa e condições de umidade com o instrumento de medição testo 480. O instrumento protege seu trabalho e permite que você cumpra as normas de qualidade fazendo as medições com a sonda de umidade precisa (pedido nº 0636 9743) e a sonda de temperatura Pt100 (pedido nº 0614 0073), o que automaticamente compensa as inconformidades. É fácil conectar até três sondas de umidade e temperatura Pt100 simultâneamente. Calibre seu gabinete de ar condicionado de acordo com as normas de referência, sem erros. O testo 480 fornece gerenciamento e documentação sem dificuldades dos dados de medição.

Medição de pressão diferencial nos filtros

Os sistemas de ar condicionado são equipados com filtros que previnem a sujeira do ar externo de penetrar no ar interno. Esses filtros precisam ser inspecionados regularmente para garantir que ainda estão funcionando completamente. Para fazer isso, a pressão é medida na frente e atrás do filtro. O resultado é a pressão diferencial. Se for alta demais, o filtro está contaminado e precisa ser trocado.

o testo 480 usa o sensor integral para medir a pressão diferencial na variação 25...25 hPa. A medição da pressão diferencial é compensada em temperatura para leituras exatas. Ímãs na traseira do instrumento possibilitam trabalho de mãos-livres.

Garantindo o clima de processo em aposentos limpos

O testo 480 é o instrumento ideal para garantir o clima de processo em aposentos limpos. A pressão diferencial pode ser verificada com o sensor de pressão interna com uma precisão de +/- 0.3 Pa +1% de leitura. A temperatura do ar é medida com as sondas Pt100 precisas e as flutuações de umidade são monitoradas com uma precisão de +/- 1% rF usando a umidade precisa e a sonda de temperatura (pedido nº 0636 9743). A sonda de fluxo térmico (pedido nº 0635 1048) é usada para verificar as tubulações do laboratório e medir o fluxo laminar.

A medição do fluxo no ducto de ventilação usando um tubo de Pitot

A observância dos fluxos de ar no ducto de ventilação é de extrema importância para o funcionamento do sistema de ventilação e ar condicionado.

O sensor interno de pressão diferencial do testo 480 é usado para medição no caso de velocidades de fluxo altas e fluxos muito contaminados, e o tubo de Pitot para uma variação de ar de 0 a 64 m/s. O testo 480 exibe pressão, fluxo e fluxo volumétrico simultâneamente. Ímãs na traseira do instrumento possibilitam trabalho de mãos-livres.

Nossos tubos de Pitot estão disponíveis em diversos modelos: em comprimentos de 350 mm a 1000mm e diâmetros de 4 mm a 7 mm.

Medição de temperatura e umidade de alta precisão.

Em muitos processos industriais, uma medição bastante precisa e confiável da umidade e temperatura é necessária para garantir uma qualidade consistente. Por exemplo, nas suas instalações de produção ou laboratório, a temperatura e a umidade podem ser precisamente medidas em +/- 1% usando a sonda de umidade e temperatura (pedido nº 0636 9743). Todos os fatores físicos do diagrama de Mollier são necessários e o testo 480 fará os cálculos para você. Com os programas de medição integrados, diversas opções estão disponíveis para monitoramento de valores nominais.

Medição da qualidade de ar interno (CO2)

A má qualidade de ar interno, devido a altas concentrações de CO2, pode causar fadiga, falta de concentração e até doenças. Portanto, para garantir uma boa qualidade de ar interno, a concentração de CO2 geralmente não deve exceder 1000 ppm. Valores de 700 a 1500 ppm podem ser vistos como a "variação de referência".

A sonda IAQ (pedido nº 0632 1543) é particularmente adequada para monitorar os controles da qualidade de ar interno. Essa sonda pode ser usada para registrar CO2, temperatura e umidade relativa simultaneamente.

A medição do gás de combustão do laboratório de acordo com a EN 14175

Use o testo 480 para medir a taxa de influxo e a taxa de fluxo volumétrico do ar de exaustão na tubulação do laboratório de acordo com a EN 14175. Isso irá garantir ao seu cliente o posicionamento correto da tubulação e desempenho eficiente da tubulação no local.

Medição da temperatura do ar e de superfície

Para que os seres humanos se sintam confortáveis e apresentem o máximo de desempenho, é essencial que o ar condicionado esteja adequado ao aposento que eles ocupam. Assim como as condições estruturais e a percepção pessoal, os seguintes fatores também contribuem significativamente para a existência de um clima interior agradável: o ar interior e a temperatura das paredes, janelas, pisos e tetos.

Há uma ótima seleção de sondas de temperatura TE disponíveis para o testo 480. A sonda da superfície (pedido nº 0602 0393) e a sonda de umidade do ar (pedido nº 0636 9743) podem ser usadas para investigar as deficiências do ponto de vaporização e o mofo.

No máximo duas sondas de temperatura, especialmente para medições nos tubos, podem ser conectadas ao testo 480 para registrar e mostrar a diferença da temperatura em um sistema de aquecimento.

Medição do calor irradiado

A radiação térmica (isto é, a temperatura operante ou percebida) no ambiente pode ser determinada com o termômetro de Globo anexado (pedido nº 0602 0743); que é feito de uma esfera de cobre preta e vazia que contém a ponta de um termômetro de mercúrio em seu centro. A temperatura operante medida com o termômetro de Globo com um diâmetro de 150 mm corresponde, preferencialmente, à temperadura percebida das pessoas a ± 0.41 K.

As medições da temperatura em uma sala (temperatura do ar e temperatura operante) devem ser feitas no mesmo lugar e com as mesmas condições gerais da medição das velocidades do ar interno.

O tripé opcional (pedido nº 0554 0743) protege todas as sondas de forma segura e conveniente, até mesmo para medições de longo prazo.

Medição de turbulência de acordo com a EN 13779

A velocidade do ar nos aposentos afeta diretamente o conforto térmico. Pode haver referência aos níveis de turbulência e da corrente de ar na avaliação do conforto.

O nível de turbulência indica a flutuação da velocidade do ar e a intensidade do fluxo de ar em uma sala.

A velocidade do ar nos aposentos afeta diretamente o conforto térmico. O nível de turbulência é fornecido como uma porcentagem calculada a partir da velocidade média da temperatura do ar nos aposentos. O nível de turbulência indica a flutuação da velocidade do ar e a intensidade do fluxo de ar em uma sala. Há uma correlação direta entre a temperatura do ar e o nível de turbulência.

A taxa da corrente de ar geralmente pode ser entendida como a refrigeração indesejada do corpo devido ao movimento do ar. A taxa da corrente de ar é definida como a porcentagem de pessoas que se sentem desconfortáveis. A taxa da corrente de ar também é fornecida como uma porcentagem, calculada a partir da velocidade média do fluxo, temperatura média e nível de turbulência.

A sonda de conforto não direcional (pedido nº 0628 0143) foi especialmente projetada para medir o nível de turbulência de acordo com a EN 13779, e para avaliar a taxa de corrente de ar. O programa de medição assistida e integrada no testo 480 permite que a medição padrão-submissa seja analisada diretamente no instrumento de medição. O tripé opcional (pedido nº 0554 0743) protege todas as sondas de forma segura e conveniente, até mesmo para medições de longo prazo.

A medição da temperatura de precisão no laboratório

Use o testo 480 para fazer as medidas no laboratório com uma precisão de +/- 0.15 ºC através de uma variação de temperatura de -100 a +400 ºC com a sonda de imersão Pt100 de alta precisão e penetração (pedido nº 0614 0073). Após submeter os dados de calibração no software, sua medição não mostrará erros; portanto, o testo 480 pode ser usado como a norma de trabalho.

a medida do valor PMV-/PPD de acordo com o ISO 7730

O senso de bem-estar de uma pessoa em uma sala (nível de conforto) depende de uma série de fatores externos e específicos. Por exemplo, as pessoas são extremamente sensíveis com relação à radiação térmica provocada por paredes ou janelas frias. Nós também reagimos às correntes de ar em uma sala com um desconforto térmico.

O conforto térmico é definito pelos principais fatores influenciadores a seguir:

• Temperatura do ar interno e a radiação da temperatura

• Velocidade do ar

• Umidade relativa do ar interno

Por sua vez, o efeito desses principais fatores influenciadores no senso de conforto de uma pessoa depende de seu (nível de) atividade e vestimenta. A norma internacional ISO 7730 combina todos as normas na medição do PMV/PPD (Predicted Mean Vote/Predicted Percentage Dissatisfied). O PMV é um índice que prevê o valor de avaliação do clima médio para um grande grupo de pessoas. O PPDIndex fornece uma previsão quantitativa do número de pessoas que ficarão insatisfeitas com uma certa atmosfera de ambiente.

O programa de medição integrado ao testo 480 calcula diretamente o valor do PMV/PPD de acordo com o ISO 7730 usando sondas de anexo opcionais. O diagrama gerado (link para o diagrama) no instrumento de medição permite uma rápida e objetiva avaliação do clima interno. O protocolo de medição PMV/PPD (link para o PDF) registra os dados de medição para você e seus clientes.

Medição do fluxo volumétrico na saída de ar

Cada ducto de entrada e saída deve conter apenas o fluxo volumétrico que, de acordo com os cálculos, é um pré-requisito básico para um sistema funcional eficiente.

O anemômetro de ventoinha grande, com 100 mm de diâmetro, é ideal para medir os fluxos volumétricos nas saídas do ducto (pedido nº 0635 9343), de forma que integra a velocidade de fluxo sobre uma grande área determinando, assim, um distúrbio na grelha de ventilação (método de loop).

Para medir a sucção ou a passagem de ar das grelhas de ventilação e das válvulas da placa, nossa taxa de fluxo volumétrico é ideal (pedido nº 0563 4170) assim como o anemômetro de ventoinha grande de 100 mm (pedido nº 0635 9343) Todo o fluxo volumétrico é registrado com a ajuda do funil, sem a necessidade de conversão baseada na velocidade de fluxo e área. Esse método de medição do fluxo é simples e confiável.

Obtenha medidas confiáveis nas soquetes de teto, usando a sonda flexível de fluxo térmico (0635 1543)

A medição WBGT em locais de trabalho expostos ao calor de acordo com a DIN 33403 e ISO 7243

Use a sonda WBGT (Sonda de Globo para temperatura do Bulbo Úmido) para medir e monitorar o controle de estresse causado pelo calor, exemplo: na indústria siderúrgica. Meça o índice de WBGT de acordo com as normas. No testo 480, esse índice climático é determinado de acordo com a DIN 33403 e o ISO 7243. Use-o para garantir o bem-estar físico no local de trabalho e prevenir colapsos circulatórios, cãibras causadas pelo calor e insolação.

A medição do fluxo no ducto de ventilação de acordo com a EN 12599

Use o testo 480 e as sondas de fluxo para efetuar as medições da rede VAC de acordo com a EN 12599 e para configurar seu sistema para deixá-lo energicamente eficiente. Os resultados da medição podem ser apresentados para seus clientes locais no protocolo de medição VAC (link para o PDF).

Contamos com a sonda de fluxo ideal para suas medições de ducto:

• Sondas para velocidades de fluxo baixas, médias ou altas.

• Sonda para fluxos turbulentos

• Sonda com telescópio robusto e não rotativo. A escala no telescópio garante que a profundidade de imersão seja fácil de ler.

• Sonda para ductos de ventilação com buracos pequenos

A temperatura do ar e a umidade também podem ser medidas com a mesma sonda da velocidade do fluxo, se for requerido.

A escolha de uma sonda adequada depende da velocidade do fluxo no ducto de ventilação. Isso pode ser dividido em três sub-variações:

- Velocidades de fluxo baixo: anemômetros térmicos são adequados para isto (pedido nº 0635 1543, 0635 1024 e 0635 1050)

- Velocidades de fluxo médio: o anemômetro de ventoinha de 16mm fornece os melhores resultados (pedido nº 0635 9542)

- Velocidades de fluxo alto: o tubo de Pitot fornece os melhores pré-requisitos (veja o aplicativo a seguir)

Medição da umidade no sistema VAC de acordo com a EN 12599

No inverno, a umidade absoluta no ar externo geralmente não é suficiente para sustentar o requerimento de uma umidade de ar agradável de aproximadamente 30% rF até 70% rF (de acordo com a DIN EN 13779) em construções com sistemas de ventilação e ar condicionado. Portanto, os umidificadores de ar são frequentemente usados dentro dos sistemas de ventilação.

Para garantir que esses sistemas funcionem apropriadamente, a EN 12599 especifica que além de outros parâmetros de medição, como fluxo volumétrico e temperatura, a umidade relativa também tem de ser medida em diferentes pontos dentro do sistema VAC. Os pontos de medição típicos estão na frente e atrás dos trocadores de calor e umidificadores. A conversão para as unidades de umidade requeridas (exemplo: umidade absoluta) é possível com o testo 480.

A sonda de umidade (pedido nº 0636 9743) tem 12 mm de diâmetro, tamanho ideal para medição no ducto de ventilação. Essa sonda pode registrar umidade relativa e temperatura paralelamente. A sonda de umidade também pode ser usada para avaliar o conforto térmico de uma sala.

Medição da iluminação

Uma iluminação adequada no local de trabalho fornece luz suficiente aos trabalhadores para que eles tenham um bom desempenho. Isso ajuda a prevenir erros, cansaço prematuro e mantém a concentração.

testo 480 e a sonda Lux (pedido nº 0635 0543) pode ser usada para medir e avaliar a intensidade luminosa (luz natural ou artificial).

Catálogos de produto

Manual de Instruções

Software