testo 510 kit - Instrumento de medição de pressão diferencial

Ordem nº  0563 0510

  • Medição de pressão diferencial de 0 a 100 hPa 

  • Medição de vazão com tubo Pitot (disponível como opção)

  • Intrumento equipado com Ímãs na parte traseira, dando mais liberdade e mãos-livres

  • 10 unidades de medição para escolher, exibir em pascal também pode ser selecionado

Medição de pressão diferencial em aquecedores de água a gás ou em filtros de sistemas de ar condicionado, bem como medições de vazão em dutos de ventilação usando um tubo Pitot: o compacto instrumento de medição de pressão diferencial testo 510, que vem com uma mangueira de conexão de silicone e outros acessórios úteis para ajudá-lo a manter e instalar sistemas no setor HVAC-R.

R$ 939,00
incl. impostos

Descrição

Com o  testo 510, os profissionais de HVAC-R estarão bem equipados para realizar o seu trabalho: o instrumento mede a pressão diferencial de 0 a 100 hPa e pode ajudá-lo a verificar filtros em sistemas de ar condicionado ou medir a pressão estática e pressão de fluxo de gás em sistemas de aquecimento, por exemplo.

As seguintes unidades podem ser seleccionadas no instrumento de medição de pressão diferencial testo 510:
  • Pa
  • hPa
  • mbar
  • mmH2O
  • mmHg
  • inH2O
  • inHg
  • psi
  • m/s
  • fpm

Além disso, você pode medir o fluxo no duto de ventilação com um tubo Pitot que está disponível como opção - de 10 a 100 m / s.

Prático e preciso: principais vantagens oferecidas pelo instrumento de medição de pressão diferencial

  • Preciso: Medição de pressão diferencial tem compensação da temperatura e da densidade do ar para leituras precisas
  • Fácil: Pequeno, acessível e fácil de operar com apenas três botões
  • Inteligente: Você pode trabalhar com as mãos livres graças a ímãs na parte traseira do instrumento. Em ambientes escuros a tela iluminada torna seu trabalho mais fácil
  • Confiável: Com uma bolsa de cinto, uma tampa protetora  e uma alça você pode utilizar e guardar seu testo 510 kit com segurança
  • Pronto para usar: Com a mangueira de conexão de silicone que acompanha o kit testo 510, você pode começar suas medidas imediatamente

 

Escopo da entrega

Testo 510 kit - instrumento de medição de pressão diferencial, incluindo mangueira de conexão de silicone, tampa de proteção, protocolo de calibração, bolsa de cinto e baterias.
Pressão diferencial

Faixa de medição

0 a 100 hPa

Exatidão

±0,03 hPa (0 a 0,30 hPa)

±0,05 hPa (0,31 a 1,00 hPa)

±(0,1 hPa + 1,5 % do vm) (1,01 a 100 hPa)

Resolução

0,01 hPa

Dados técnicos gerais

Dimensões

119 x 46 x 25 mm

Temperatura de operação

0 a +50 °C

Classe de proteção

IP40

Unidades selecionáveis

hPa, mbar, Pa, mmH2O, inH2O, inHg, mmHg, psi, m/s, fpm

Pressão estática máxima

500 mbar

Taxa de medição

0,5 s

Tipo de bateria

2 AAA micro baterias

Durabilidade

50 h (típico sem iluminação do visor)

Temperatura de armazenagem

-40 a +70 °C

Peso

90 g (incluindo pilhas e tampa de proteção)

Medição de pressão diferencial nos filtros

Os sistemas de ar condicionado são equipados com filtros que previnem a sujeira do ar externo de penetrar no ar interno. Esses filtros precisam ser inspecionados regularmente para garantir que ainda estão funcionando completamente. Para fazer isso, a pressão é medida na frente e atrás do filtro. O resultado é a pressão diferencial. Se for alta demais, o filtro está contaminado e precisa ser trocado.

O testo 510 mede as pressões diferenciais em uma variação de 0 - 100 hPa. A medição da pressão diferencial é compensada em temperatura para leituras exatas. As leituras podem ser exibidas em pascal durante toda a variação de medição. Ímãs na traseira do instrumento possibilitam trabalho de mãos-livres.

Medição nos ductos de ventilação

A observância dos fluxos de ar no ducto de ventilação é de extrema importância para o funcionamento do sistema de ventilação e ar condicionado. Se os fluxos de ar forem menores do que o pretendido, a remoção das cargas da sala (aquecimento, refrigeração e cargas de substância) pode não ser garantida em certas circunstâncias.

Portanto, é particularmente importante que o registro dos fluxos de ar seja o mais preciso possível.

Juntamente com o tubo de Pitot, o testo 510 mede a velocidade do ar em uma variação de 10 a 100 m/s. Ímãs na traseira do instrumento possibilitam trabalho de mãos-livres.